Como foste 2009

 

Numa retrospectiva ao ano que está quase a acabar penso (tenho a certeza), foi um bom ano!

Melhor do que 2008.

Este ano para mim foi sem dúvida o ano da mudança, interior e exterior. No final de 2008, por estes dias, comecei a fazer resoluções que sabia que teriam que ser feitas e 2009 foi tempo de as realizar.

Continuo com a minha independência, espírito livre, distraída, bem humorada, sorridente, sincera e amiga. E fico contente por ter conseguido ser eu mesma sem a minha personalidade ter mudado.

Consegui realizar projectos que se andavam a arrastar (não dependiam de mim) e este ano consegui finalmente acaba-los. A nível físico e material comprei o meu carro, transformei um pouco o meu cabelo, manti o estilo de vestir que me caracteriza mas com mais algum charme talvez...

Psicologicamente sei e tenho a sensação que cresci! Tenho uma maturidade diferente e isso dá-me estabilidade e confiança. Já não sou aquela pessoa que fico demasiado ansiosa enquanto não fizer o que tem na cabeça. Continuo impulsiva, mas são impulsos na hora certa, mais ponderados.

Aprendi a ver o mundo através do meu olhar, desisti de querer ajudar quem não quer a minha ajuda, desisti de pedir a mão a quem nunca ma quis dar (mas eu não via), sou mais forte, aguento melhor as criticas e vejo o lado bom delas. Sempre falaram muito de mim (sempre nas minhas costas) coisa que dantes me levava "aos arames", agora...agora não me interessa, não tenho tempo na minha vida para o desperdiçar com quem não merece.

Mas há algo que não consegui mudar, ajudar sempre. Apesar de saber que algumas situações isso me prejudica bastante, não o consigo deixar de fazer.

Sou feliz no seio da minha família, nunca por nenhum momento a trocaria por outra! É tão especial...

Os meus amigos, este ano também me mostrou quem são de verdade, aqueles que ficaram e  merecem a minha total confiança.

O coração esse baloiçou um pouco, mas muito pouco para um ano inteiro e tendo em vista a minha idade...

Não procuro...há-de aparecer.

No fundo fui feliz, por isso e apesar das desilusões (que foram muitas), das ambições que foram pelo "cano abaixo" e dos sonhos por realizar terei sempre uma lembrança positiva deste nosso, meu 2009.

E para 2010 os meus desejos são curtos...

Manter as coisas boas que ganhei e alcançei em 2009 e realizar todos os sonhos que ainda estão na gaveta.

O resto, e o mais fundamental, saúde, paz, amor, felicidade, familia, amigos, trabalho e sorte...desejo a vocês o tanto quanto desejo a mim mesma! 

publicado por voosdeborboleta às 14:40 | link do post